Pesquisar este blog

quarta-feira, 30 de julho de 2014

TRE do Pará indefere candidatura de Paulo Rocha ao Senado

Por 3 votos a 2, Tribunal considera que Rocha não pode concorrer em 2014. O 
Candidato ainda pode recorrer da sentença

Do G1 PA, 30/07/14
O deputado federal Paulo Rocha (PT-PA) em comissão da Câmara, em maio (Foto: Janine Moraes/Agência Câmara)Paulo Rocha foi inocentado pelo STF durante o
julgamento do mensalão
(Foto: Janine Moraes/Agência Câmara)
O Tribunal Regional Eleitoral do Pará (TRE-PA) indeferiu, na sessão desta quarta-feira (30), a candidatura de Paulo Rocha (PT) ao senado por 3 votos a 2, com uma abstenção. Rocha faz parte da coligação "Todos pelo Pará", que tem como governador Helder Barbalho (PMDB). Em nota, Rocha disse que "A decisão em primeiro grau não nos impede de fazer campanha na rua, de porta em porta, nas feiras, na televisão, no rádio e em todos os espaços previstos na legislação eleitoral".

Segundo o TRE, Rocha teve a candidatura cancelada pela justiça eleitoral por ter renunciado ao cargo de Deputado Federal em 2005, quando foi investigado pelo crime de lavagem de dinheiro no processo do Mensalão. Rocha foi condenado pelo ministor Joaquim Barbosa em 2012, mas acabou sendo absolvido pelo STF em outubro do mesmo ano.

O advogado do candidato, Egydio Salles, informou que a decisão é em primeira instância, e que vai recorrer do indeferimento no TSE. "Vamos mostrar que, no caso concreto, a aplicação viola o princípio da irretroabilidade da lei", disse. Ainda de acordo com o advogado, Rocha renunciou em 2005, mas teve mandato em 2006 - logo, não poderia ser considerado inelegível pela renúncia.

O TRE-PA informou que está julgando todos os pedidos de impugnação feitos pelo Ministério Público Eleitoral ou por partidos políticos. Paulo Rocha ainda pode recorrer da sentença.

Rapidinhas

A Procuradoria Regional Eleitoral de São Paulo pediu a impugnação da candidatura de Paulo Maluf (PP-SP), atual deputado federal, à reeleição, porque o mesmo tem uma condenação de 2013, no Tribunal de Justiça de São Paulo, pelo superfaturamento em obras do Túnel Ayrton Senna, construído durante seu mandato como prefeito da capital paulista durante os anos 90. Maluf tem sete dias, para contestar a ação da procuradoria.

Nas eleições de 2014, para deputado estadual, Itaituba tem cinco candidaturas registradas, a de Wescley/PSC,  vereador e presidente da Câmara de Itaituba; a do ortopedista Leonard Cabral/PSB; a do professor Anézio Ribeiro/PCdoB, a da professora Orlanilda/PR e a de Hilton Aguiar/SDD. Juntos, eles deverão receber os votos de mais de dois terços dos eleitores que votarão nessas eleições, no município. Menos de um terço dos eleitores deverão votar em candidatos de outras cidades e regiões do Pará. Os votos válidos de Itaituba, serão aproximadamente 52 mil. Os eleitores aptos a votar somam mais de 70 mil.

Anézio Ribeiro e Orlanilda integram a Coligação de Hélder. Anézio Ribeiro, por ser de um partido pequeno e que não coligou com outro para estadual, com 12 mil votos tem chances de ser eleito. Orlanilda necessita de 25 mil votos para ter chance de se eleger. Leonard, Hilton e Wescley, são da Coligação de Jatene.  Leonard tem chances de ser eleito a partir de 25 mil votos, Wescley a partir de 15 mil votos e Hilton Aguiar a partir de 30 mil votos.

Eraldo Pimenta/PMDB, de Uruará, também está concorrendo para deputado estadual, terá votos em Itaituba e precisará de uns 35 mil votos para se eleger

O cociente eleitoral para deputado estadual será de aproximadamente 89 mil votos, enquanto o de deputado federal será em torno de 217 mil votos. Assim, a cada 89 mil votos o partido ou coligação elege um estadual e cada 217 mil votos, o partido ou coligação elege um federal.

Dudimar destaca a importância de junção de esforços para tentar resolver o problema da Transamazônica

O deputado federal Dudimar Paxiúba postou no whatsaap um texto a respeito da audiência de ontem com o ministro Paulo passos, dos Transportes e de outras reuniões anteriores, destacando a importância da participação de todos, que embora tenham ideais políticos divergentes, tiveram a grandeza de colocar os interesses de Itaituba em primeiro lugar.

“As reuniões realizadas em Brasília devem pautar as nossas atitudes doravante. Não vamos colocar tudo a perder em razão de algumas vaidades pessoais.

Pensem, reflitam, ponderem. Todos são importantes para o sucesso desta obra que trará benefícios para todos nós itaitubenses.

A participação da Prefeita Eliene nestas tratativas com as autoridades do Ministério dos Transportes - Ministro, Secretário e Diretor do DNIT -, sem dúvida tem sido fundamental para a obtenção do êxito desta empreitada. É visível o carinho e respeito que todas essas autoridades federais demonstram pela Prefeita.

Do mesmo modo, depois da criação do Fórum (das Entidades), sob a batuta do Davi Menezes) e seu engajamento nesta luta, cresceu nosso poder de cobrança e o movimento ficou muito mais encorpado.

A mesma coisa podemos dizer dos colegas parlamentares municipais e estaduais. Nessa batalha não há vencidos nem vencedores. O que há são representantes do povo, cientes de suas responsabilidades e ciosos de que ainda temos muito a percorrer para de fato termos algo importante a comemorar. Todos nós! sem qualquer discriminação”.

Fonte: Blog do Jota Parente, 30/07/14

Entre o orgulho e a humildade

Ministro diz que em agosto a obra da Transamazônica será iniciada

Dep Est Nélio Aguiar, Dep Fed Dudimar Paxiúba, Ministros dos Transportes, Paulo Passos, Prefeita de Itaituba, Eliene Nunes, Sec Exec do Ministério, Anivaldo Vale, Pres da Câmara de Itaituba, ver Wescley Tomaz e Ver Iamax Prado, depois da audiência que tratou sobre a recuperação e asfaltamento da Rodovia Transamazônica, no perímetro urbano de Itaituba

Depois de receber a comitiva de Itaituba, que foi tratar sobre a recuperação e asfaltamento da Rodovia Transamazônica, o Ministro dos Transportes, Paulo Passos, depois de tomar conhecimento do estado crítico em que se encontra a via, assegurou que as atividades serão retomadas em agosto.

A responsabilidade dos trabalhos vai continuar com o 8º BEC, o que, diga-se de passagem, não é bom porque infelizmente as obras executadas por este órgão não tem qualidade. Prova maior são os trechos da BR 230 e 163, que pouco tempo depois, está deteriorado. 
Audiência em que o Ministro dos Transportes recebeu representantes de Itaituba para tratar sobre o estado crítico da Transamazônica, dentro da cidade  Foto do Facebook de Davi Menezes

Outro assunto tratado, segundo Davi Menezes, presidente da CDL, integrante da comitiva, foi o aterro que cedeu depois de Miritituba, o qual tem sido um transtorno, inclusive, responsável por alguns acidentes graves. O ministro informou que está definida a empresa que fará a recuperação do citado trecho.

É necessário que as obras públicas sejam tratadas e executadas com seriedade, competência e rapidez para resolver os problemas infraestruturais que tanto atrapalham a vida da sociedade.

Com informações do blog do Jota Parente, 29/07/14

terça-feira, 29 de julho de 2014

Paysandu ganha título da Copa Verde na Justiça

Brasília promete recorrer

Pelo menos por enquanto, o Paysandu é o atual campeão da primeira edição da Copa Verde e dono de uma vaga para a Copa Sul-Americana do ano que vem. Em julgamento em primeira instância, ontem à tarde, a 1ª Comissão Disciplinar do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva), acatou de forma unânime, por quatro votos a zero, as provas reunidas pela Procuradoria do tribunal, a partir de denúncia feita pelos bicolores, de quatro jogadores do Brasília-DF jogaram as finais da Copa Verde de forma irregulares, o que mudou o resultado do campo. O departamento jurídico do time candango tem até quinta-feira para protocolar o recurso para que haja um julgamento em segunda e última instância, o Pleno, que terá cinco auditores. Os quatro que votaram ontem não participarão do novo julgamento.

O julgamento iniciou dia 14 de julho, mas a diretoria do Brasília apresentou documentos novos e o órgão acabou suspendendo a sessão alegando que precisaria analisar a documentação. Nesse intervalo, a CBF chegou a assumir a culpa ao divulgar um ofício afirmando que os atletas do Tricolor do Distrito Federal estariam regulares, alegando que houve um problema no sistema do BID (Boletim Informativo Diário), mas não foi suficiente.

Para o advogado Alberto Maia, diretor jurídico do Paysandu, o documento apresentado pelo Brasília semana passada apenas corroborou as argumentações do clube paraense. “O que os auditores levaram em consideração é que os nomes dos atletas não estavam no BID e o Brasília não foi diligente quanto a isso. Foi aplicada a lei e espero que o Pleno mantenha a decisão”, disse. “A lei não protege quem dorme. Isso ficou claro quando a CBF confirmou que os jogadores estavam irregulares. O documento apresentado posteriormente pelo Brasília apenas confirmaram o que vínhamos argumentando”, completou Maia.

Em entrevista por telefone à reportagem do GloboEsporte.com, o diretor de futebol do Brasília, Régis Carvalho, mostrou-se surpreso com a decisão. O dirigente confirmou que o clube irá recorrer em segunda instância. “Nós vamos reunir com o nosso advogado. De antemão, posso adiantar que vamos recorrer da decisão. O Brasília não errou em absolutamente nada. Os jogadores nem saíram do BID, e não descartamos acionar a Justiça Comum se todos os outros meios foram eliminados. Não descartamos nada. O Brasília não pode pagar por um erro cometido pela CBF. Temos certeza que vamos reverter a situação”.

Fonte: ORMNews, 29/07/2014

Grêmio anuncia volta de Felipão após 18 anos

Técnico chega ao clube após fiasco na Seleção e substitui Enderson Moreira
Felipão foi apresentado na tarde desta terça-feira e volta ao comando do clube gremista depois de 18 anos

O técnico mais vitorioso da história do Grêmio está de volta ao clube do coração. Exatas três semanas depois da goleada sofrida pelo Brasil para a Alemanha na semifinal da Copa do Mundo, Luiz Felipe Scolari acertou sua volta ao Tricolor Gaúcho. O acordo foi firmado no início da tarde desta terça-feira, em reunião com o presidente gremista Fábio Koff, em São Paulo.

O retorno de Felipão ao Grêmio se dá pelas mãos do mesmo presidente que o trouxe para comandar um dos períodos mais vitoriosos do clube. Em 1993, Luiz Felipe chegou ao Grêmio após a demissão de Cassiá. Levou algum tempo até começar a trazer resultados, mas eles vieram em série: a Copa do Brasil em 1994, a Libertadores e o Gauchão em 1995, a Recopa, o Gauchão e o Brasileirão em 1996. Felipão já havia comandado o Grêmio na conquista do título gaúcho de 1987. 

A terceira passagem de Scolari pelo Grêmio se iniciará nesta quarta-feira, quando o treinador chegará a Porto Alegre e será apresentado. Com isso, o Tricolor cumpre a expectativa de anunciar seu técnico antes do jogo com o Vitória, no sábado. Será justamente na partida de Salvador que Felipão, 65 anos, fará sua reestreia pelo clube gaúcho.

Luiz Felipe deverá trazer consigo Darlan Schneider, que assumirá como assistente. O interino gremista André Jardine, que comandou o treino desta terça-feira, será incorporado à comissão técnica como auxiliar. Fábio Mahseredjian segue à frente da preparação física do Tricolor. Felipão vem em substituição a Enderson Moreira, que deixou o comando do Grêmio no domingo, após a derrota para o Coritiba, na Arena.

Fonte: Correio Braziliense, 29/07/14

TRE vai aumentar rigor na punição a 'candidatos sujões' em propagandas

Por enquanto, o tribunal tem orientado candidatos e a população sobre o tipo de propaganda permitida nas ruas. Pouco mais de 100 objetos, como placas e faixas, foram recolhidos. As apreensões devem aumentar no próximo mês

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) recolheu, desde 6 de julho, data do início oficial da atual campanha, pouco mais de 100 unidades de placas, faixas e cartazes em locais ou horários proibidos pela legislação. O número é pequeno diante das 387 denúncias recebidas até agora por propaganda irregular, mas tem uma explicação. “Seguimos, por enquanto, com uma política de informação e educação. Estamos orientando os candidatos e a população sobre o que pode e o que não pode ser feito”, explica o juiz eleitoral Daniel Carnacchionni, que faz parte da coordenação de fiscalização de propaganda eleitoral do TRE.

Porém, a partir do início de agosto, a tendência é de que a quantidade de apreensões aumente significativamente. O material retirado das ruas, até agora, é quase todo por estar instalado em horários proibidos pela lei. Entre as 22h e as 6h, nenhum tipo de propaganda política pode permanecer na cidade. As placas, faixas e cartazes têm de ser retiradas. “Esses equipamentos permitidos precisam ser móveis, sem prejudicar nem causar riscos ao trânsito, e não podem afetar a mobilidade das pessoas nas calçadas. Também não podem ficar em vias públicas”, explica o juiz.

O TRE realizou duas operações noturnas para retirar propaganda irregular. A programação, a partir de agora, prevê pelo menos duas ações semanais. “Todas as denúncias que chegam são checadas. O TRE está atento e vai acompanhar toda a situação. Temos, como objetivo, diminuir a presença de propaganda irregular”, acrescenta Carnacchionni. Ele acrescenta que nem tudo o que está nas ruas é ilegal. O procurador-geral Eleitoral, Elton Ghersel, lamenta que a legislação permita tanta coisa. “Pode até ocorrer uma poluição visual, mas não quer dizer que esteja irregular. Mas o candidato precisa ser consciente e educado e não sujar a cidade”, salienta. Este deve ser o último ano em que placas com cavaletes e faixas serão permitidas. “Esperamos que a lei eleitoral avance nesse sentido”, acrescenta o procurador.

Por enquanto, o Ministério Público Eleitoral não recebeu nenhuma denúncia, ainda que seja um dos meios para que a população registre as reclamações. Caso elas tivessem chegado, o órgão notificaria o TRE, que é o responsável pela fiscalização e pela retirada do material irregular. Ghersel tem expectativa de que a campanha deste ano seja mais limpa do que a anterior. No início do mês, o MPE fechou um acordo com vários partidos com o objetivo de diminuir os problemas. As siglas que se comprometeram a fazer uma campanha mais limpa foram PT, PMDB, PR, PRTB, PSOL, PSTU, PV, DEM e PSDB e PRP.

Crime eleitoral

Apesar de incomodar a população visualmente, a lei eleitoral permite a presença de propaganda nas ruas. O movimento nas redes sociais contra os candidatos que sujam a cidade, no entanto, não pode incentivar a retirada dos equipamentos por parte da população. De acordo com o juiz Daniel Carnacchioni, retirar, chutar e queimar materiais de candidatos configura-se crime eleitoral.

Fonte: Correio Braziliense, 29/07/2014

segunda-feira, 28 de julho de 2014

Procurador da República dá parecer favorável ao registro da candidatura de Mário Couto ao Senado

E diz que a não filiação partidária, por omissão do partido, não é culpa do candidato pois o mesmo não pediu a desfiliação
Procurador Alan Mansur

“No que se refere à filiação do candidato, este comprovou, por meio de documentos de folhas 57/84, que está regularmente filiado ao PSDB e que não houve pedido de desfiliação partidária junto ao partido, tampouco comunicação à 3ª Zona Eleitoral, local de seu domicílio eleitoral. A situação, portanto, amolda-se a Súmula 20 do TSE, segundo a qual a falta de nome do filiado ao partido por este encaminhado à Justiça Eleitoral, nos termos do artigo 19 da Lei 9096, de 19/09/1995 pode ser suprida por outros elementos de prova de oportuna filiação. Sendo assim, o Ministério Público Eleitoral manifesta-se pelo deferimento do presente registro de candidatura, desde que também não haja óbice ao deferimento do Demonstrativo de Regularidade de Atos Partidários (DRAP) do PSDB para este cargo”. É o que diz o parecer do procurador regional eleitoral, Alan Mansur, sobre a propalada inelegibilidade de Mário Couto por supostamente não estar mais filiado ao PSDB, segundo postagem feita na semana passada pelo advogado e blogueiro Carlos Kayath, do blog do CJK, que baseou suas afirmações em epsquisa feita na página do Tribunal Superior Eleitora (TSE) onde o nome do senador aparece como “não está filiado a nenhum partido político”.

Enquanto isso, no bairro da Floresta...

Essa poça de água atravessou parte do inverno, entrou pelo verão e nada foi feito para acabar com ela.

O lixo que aparece na foto é fruto da falta de educação de alguns moradores, , mesmo, os quais não entendem que quando fazem isso, eles próprios são os mais prejudicados.

Quanto à poça, que fica localizada na 11ª Rua do bairro da Floresta, ela tem como referência ficar bem ao lado da lavanderia do bairro, que além de servir aos moradores do mesmo, ainda é visitada por pessoas de bairros próximos, seja para lavar roupa, ou para pegar água.

Com a palavra o vereador Dadinho Caminhoneiro, que mora no bairro!

Fonte: Blog do Jota Parente, 28/07/14

Anézio Ribeiro é candidato a deputado estadual

E ESTÁ CONFIANTE POIS ELE PODE SER ELEITO COM APENAS 12 MIL VOTOS

Anézio Ribeiro (PCdoB), com o número 65.456, é candidato a deputado estadual e em conversa com este blog, confirmou a sua vontade em participar da disputa eleitoral de 2014, pra valer.

Anézio Ribeiro, sociólogo, professor do Estado, liderança forte do PCdoB na região Sudoeste do Pará, está trabalhando em todos municípios da região e de modo especial em Itaituba, Jacareacanga, Novo Progresso, Rurópolis e Placas, onde tem referências. 

Anézio Ribeiro disse que está confiante, que sua candidatura é viável, pois o cenário lhe é muito favorável e justifica afirmando que Itaituba terá cerca de 56 mil votos válidos, só têm cinco candidatos para estadual e que tem liderança nos municípios vizinhos e além disso, é o único candidato a estadual na região de Itaituba que faz parte da Coligação que apóia Hélder para o Governo do Estado. Para ele, outro fator interessante é que com 12 mil votos têm possibilidades de ser eleito.


Nesta eleição, o PCdoB registrou 67 candidatos para deputado estadual e fará a legenda. Portanto, terá uma ou duas cadeiras na Assembléia Legislativa do Pará. 

Ele espera que as candidaturas majoritárias entendam esse cenário e possam efetivamente ajudá-lo para atingir o seu objetivo, ou seja ser eleito deputado estadual. 

Anézio Ribeiro, têm experiência e formação em política, coordenou a campanha bem sucedida de Hilton Aguiar (SDD) para deputado, em 2010 e seu nome está diretamente ligado a história do SINTEPP de Itaituba e Regional.

Com informações do Blog do Damião Cavalcante, 26/07/2014

Dica de leitura!

Neste fim de semana descobri o site LE LIVROS, que possui um acervo de três mil obras das quais baixei setenta e poucas, não é que eu vá ler todas, mas a vontade de tê-las comigo justificou o download. São obras atuais, por exemplo: Assassinato de Reputações do Romeu Tuma Jr., 1808, 1822 e 1889 de Laurentino Gomes, ou Freddie Mercury_A biografia definitiva. Vale a pena conferir.

7 vacinas que os adultos precisam tomar

Sarampo, pneumonia e outras doenças prejudicam a imunidade mesmo na idade adulta

Na hora de cuidar da própria saúde, muitos adultos negligenciam as campanhas de vacinação. Em todas as fases de nossa vida, porém, estamos suscetíveis a infecções por vírus e bactérias que, se não tratadas, podem causar muitos problemas.

As doenças crônicas que se manifestam mais na vida adulta são fortes indicadores de que o individuo precisa se vacinar. "As pessoas que estão em grupos de risco, como as pessoas com mais de 60 anos ou aquelas que têm doenças crônicas, devem sempre estar informadas sobre a vacinação", diz o infectologista Paulo Olzon, da Unifesp. 

Existem vacinas tanto para bactérias como para vírus. "No primeiro caso, a vacinação é feita para controlar surtos epidemiológicos e, para o caso dos vírus, a imunização normalmente dura a vida toda, sendo necessárias apenas algumas doses de reforço para garantir que a doença não vai mais voltar", diz Paulo Olzon. Confira sete tipos que merecem estar na sua carteira de vacinação.

Vacina dupla tipo adulto - para difteria e tétano

A difteria é causada por uma bactéria, que é contraída pelo contato com secreções de pessoas infectadas. Ela afeta o sistema respiratório, causa febres e dores de cabeça, em casos graves, pode evoluir para uma inflamação no coração. 

A toxina da bactéria causadora do tétano compromete os músculos e leva a espasmos involuntários. A musculatura respiratória é uma das mais comprometidas pelo tétano. Se a doença não for tratada precocemente, pode haver uma parada respiratória devido ao comprometimento do diafragma, músculo responsável por boa parte da respiração, levando a morte. Ferir o pé com prego enferrujado que está no chão é uma das formas mais conhecidas do contágio do tétano. 

A primeira parte da vacinação contra difteria e tétano é feita em três doses, com intervalo de dois meses. Geralmente, essas três doses são tomadas na infância. Então confira a sua carteira de vacinação para certificar-se se a vacinação está em ordem. Depois delas, o reforço deve ser feito a cada dez anos para que a imunização continue eficaz. É nesse momento que os adultos cometem um erro, deixando a vacina de lado.  
Vacina Tríplice-viral - para sarampo, caxumba e rubéola

Causado por um vírus, o sarampo é caracterizado por manchas vermelhas no corpo. A transmissão ocorre por via respiratória. De acordo com dados do Ministério da Saúde, a mortalidade entre crianças saudáveis é mínima, ficando abaixo de 0,2% dos casos. Nos adultos, essa doença é pouco observada, mas como a forma de contágio é simples, os adultos devem ser imunizados para proteger as crianças com quem convivem. 

Conhecida por deixar o pescoço inchado, a caxumba também tem transmissão por via respiratória. Mesmo que seja mais comum em crianças, a caxumba apresenta casos mais graves em adultos, podendo causar meningite, encefalite, surdez, inflamação nos testículos ou dos ovários, e mais raramente no pâncreas. 

Já a rubéola é caracterizada pelo aumento dos gânglios do pescoço e por manchas avermelhadas na pele, é mais perigosa para gestantes. O vírus pode levar à síndrome da rubéola congênita, que prejudica a formação do bebê nos três primeiros meses de gravidez. A síndrome causa surdez, má-formação cardíaca, catarata e atraso no desenvolvimento. 

O adulto deve tomar a tríplice-viral se ainda não tiver recebido as duas doses recomendadas para a imunização completa quando era criança e se tiver nascido depois de 1960. O Ministério da Saúde considera que as pessoas que nasceram antes dessa data já tiveram essas doenças e estão imunizados, ou já foram vacinados anteriormente. 

Mesmo que todos com essas características devam ser vacinados, as mulheres que pretendem ter filhos, que não foram imunizadas ou nunca tiveram rubéola devem tomar a vacina um mês antes de engravidar, já que a rubéola é bastante perigosa quando acomete gestantes, podendo causar deformidade no feto. 
Vacina contra a hepatite B

A Hepatite B é transmitida pelo sangue, e em geral não apresenta sintomas. Alguns pacientes se curam naturalmente sem mesmo perceber que tem a doença. Em outros, a doença pode se tornar crônica, levando a lesões do fígado que podem evoluir para a cirrose. "A imunização contra essa doença é importante, pois ela pode causar problemas sérios, como câncer no fígado", diz Paulo Olzon. 

De acordo com o especialista, há algumas décadas, o tipo B da hepatite era o mais encontrado, já que ela pode ser transmitida através da relação sexual e as pessoas não tomavam cuidado com a prevenção de doenças sexualmente transmissíveis. Depois de uma campanha de vacinação e imunização, e da classificação da hepatite C pelos médicos, ela não pode ser vista como epidemia, mas ainda é preciso tomar cuidado com essa doença. 

Até os 24 anos, todas as pessoas podem tomar a vacina contra hepatite B, gratuitamente, em qualquer posto de saúde. A aplicação da vacina também continua de graça, quando o adulto faz parte de um grupo de risco. "Pessoas que tenham contato com sangue, como profissionais de saúde, podólogos, manicures, tatuadores e bombeiros, ou que tenham relacionamentos íntimos com portador da doença são as mais expostas a essa doença", diz o especialista. Fora isso, qualquer adulto pode encontrar a vacina em clínicas particulares. 
Pneumo 23 - Pneumonia

O pneumococo, bactéria que pode causar a pneumonia, entre outras doenças, pode atacar pessoas de todas as idades, principalmente indivíduos com mais de 60 anos. "Pessoas com essa idade não podem deixar de tomar a vacina pneumo 23", diz Paulo Olzon. 

A pneumonia é o nome dado a inflamação nos pulmões causada por agentes infecciosos (bactérias, vírus, fungos e reações alérgicas). Entre os principais sintomas dessa inflamação dos pulmões, estão febre alta, suor intenso, calafrios, falta de ar, dor no peito e tosse com catarro. Adultos com doenças crônicas em órgãos como pulmão e coração -alvos mais fáceis para o pneumococo, devem tomar essa vacina sempre que há uma campanha de vacinação.

Mesmo que ela seja uma das vacinas mais importantes para ser tomadas é a única vacina do calendário que não é oferecida em postos de saúde. É preciso ir a um Centro de Referência para Imunobiológicos Especiais, em locais como o Hospital das Clínicas e a Unifesp.
Vacina contra a febre amarela

A febre amarela é transmitida pelo mesmo mosquito transmissor da dengue, o Aedes aegypti. A doença tem como principais sintomas febre, dor de cabeça, calafrios, náuseas, vômito, dores no corpo, icterícia (pele e olhos amarelados) e hemorragias. "Se a febre amarela não for tratada, pode levar a morte", explica o especialista. 

Por ser uma doença grave, e com alto índice de mortalidade, todas as pessoas que moram em locais de risco devem tomar a vacina a cada dez anos, durante toda a vida. Quem for para uma dessas regiões precisa ser vacinado pelo menos dez dias antes da viagem. No Brasil, as áreas de risco são: zonas rurais no Norte e no Centro-Oeste do país e alguns municípios dos Estados do Maranhão, do Piauí, da Bahia, de Minas Gerais, de São Paulo, do Paraná, de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul. 

Mesmo que os efeitos colaterais mais sérios sejam muito raros, a vacina contra febre amarela deve ficar restrita aqueles indivíduos que moram ou irão viajar para algum lugar de risco. "Nesse sentido, a preocupação dos médicos está relacionada ao risco de reação alérgica grave ou anafilática, que pode levar a morte os pacientes propensos", explica o infectologista Paulo Olzon. 
Vacina contra o influenza (gripe)

A vacina contra gripe deve estar na rotina de quem está com mais de 60 anos. "Muitas pessoas deixam de tomá-la com medo da reação que ela pode causar, mas isso é um mito, já que a suposta reação do corpo não tem nada a ver com a vacina, e sim com a própria gripe", diz o especialista. "Isso porque o vírus da gripe fica semanas em nosso corpo sem se manifestar e a proteção da vacina não é imediata como as pessoas imaginam." 

A gripe é transmitida por via respiratória, leva a dores musculares e a febres altas. Seu ciclo costuma ser de uma semana. Pessoas com mais de 60 anos podem tomar a vacina nos postos de saúde, enquanto os mais jovens podem ser vacinados em clínicas particulares. "Os idosos que não querem esperar até a campanha anual de vacinação contra a gripe podem tomar a vacina em clínicas particulares em todas as épocas do ano", diz Paulo Olzon. 
HPV

A vacina existe tanto para homens quanto para mulheres e previne os quatros principais tipos do Papilomavírus Humano - o HPV. Segundo o Ministério da Saúde, 137 mil novos casos de HPV são registrados por ano no Brasil. O vírus, transmitido durante a relação sexual, é responsável por 90% dos casos de câncer de colo do útero, além de provocar tumores de vulva, pênis, boca, ânus e pele. 

Apesar de existir a vacina bivalente, que protege dos tipos 16 e 18 de HPV e só é aplicada em mulheres, a quadrivalente é a mais indicada, pois protege desses dois tipos citados mais os tipos 6 e 11 e também serve para os homens. "A quadrivalente deve ser tomada em três doses, sendo a segunda dose após 30 dias da primeira e a terceira, seis meses depois da segunda", afirma o ginecologista Amadeu Carvalho Júnior, da Amhpla Cooperativa de Assistência Médica. 

A Anvisa recomenda a vacinação em pessoas dos nove aos 26 anos - em especial para aquelas que ainda não iniciaram sua vida sexual, para garantir maior eficácia na proteção. Vale lembrar, no entanto, que a vacina não dispensa o uso de preservativos na relação. "O HPV possui mais de 100 tipos diferentes e a vacina protege apenas de alguns deles", explica o ginecologista Amadeu. 

Fonte: minhavida, 05/07/14

domingo, 27 de julho de 2014

Grave acidente na Transamazônica, em Itaituba, envolve dois carros e deixa mortos

Na tarde deste domingo, 27, mais um acidente gravíssimo foi registrado na Rodovia Transamazônica, BR 230, no perímetro urbano de Itaituba, na região Oeste do estado do Pará.

O acidente aconteceu por volta das 18:30h, em frente ao cemitério, no km 06, envolvendo dois carros, que se chocaram de frente. Informações dão conta que um homem e uma criança de 05 meses faleceram decorrente do choque violento. O acidente chamou atenção de muita gente que passava pelo local. Outras pessoas que estavam nos veiculos ficaram feridas e foram levadas para o Hospital Municipal. Informações sobre o número de mortos são desencontradas. 

Fonte: Blog do Junior Ribeiro, 27/07/14

Corrupção genuína

por Geovane Farias (*)

A cidade de Rurópolis poderia ser conhecida pelas suas exuberantes cachoeiras e pelo aconchego de seus balneários. Mas o município, hoje, tem uma imagem denegrida – devido à péssima gestão do atual prefeito, Pablo Genuíno.

Nessa deplorável situação pela qual Rurópolis passa, o representante do Executivo nem possui a decência de receber reclamações legítimas dos cidadãos. Assim, evidencia-se que a corrupção parece ser um mal da família, em se tratando dos Genuínos de Rurópolis.

É uma pena que Rurópolis não seja lembrada atualmente por suas qualidades, pois se vê ademais as imagens de magníficas belezas naturais dando lugar a um cenário de miséria e abandono.

Tudo isso se deve a falta de interesse para com o bem estar da população, já que uma região com tanto potencial só tem recebido a desaprovação de seus habitantes e de visitantes.

Tal fato pode ser facilmente visível na deficiência das vias públicas, nas quais até mesmo motos são impossibilitadas de trafegar. É muito questionável essa falta de investimento para que o turismo possa se desenvolver, pois a cachoeira do Grin e os balneários atrairiam muitos visitantes juntamente com recursos.

As condições de infraestrutura, porém, tem repelido qualquer interesse. E o pior é que até a base da economia (pecuária e a cultura de cacau) está sendo prejudicada pelo descaso com o município. Essa incompetência da prefeitura traz também preocupações futuras, já que Rurópolis deveria estar crescendo para receber um maior fluxo de comércio, que virá com término do asfaltamento da BR-163.

Mesmo assim, o que se nota é uma regressão, ao invés de desenvolvimento.

Na atualidade, infelizmente, o retrato de Rurópolis para sua população é a precariedade. Isso acontece, pois Pablo Genuíno, além de não cumprir com as promessas que fez durante sua campanha eleitoral, usa o cargo de prefeito de má-fé, aproveitando-se de recursos que deveriam ser destinados à população.

Essa corrupção é vista no favorecimento de empresas, com compras feitas em nome da administração pública sem as devidas licitações. Nesse rol de ilegalidades, também há suspeitas sobre empresas de fachada, que servem para embolsar o dinheiro dos contribuintes sem oferecer nenhuma contraprestação de serviço.

Dessa maneira, Rurópolis fica entregue ao abandono e fica claro que não se trata de falta de dinheiro, mas sim de roubo e uma falta de respeito para com a dignidade do cidadão. Isso se comprova, pois dentre os vários milhões gastos com serviços e produtos inexistentes, foram pagos quase cinco milhões de reais para uma suposta recuperação de vicinais e ridiculamente cerca de sete milhões foram gastos somente com gasolina.

Com isso, muitos ruropolenses tem se mostrado cada vez mais insatisfeitos e impacientes quanto à troca de governo. Além de tudo isso, cidadãos e alguns vereadores aparentam estar sendo impossibilitados, pelo prefeito e pelo grupo de vereadores que o apoia, de tomar satisfações, as quais dizem respeito à sucumbência do município.

Tais suspeitas são provenientes de possíveis sabotagens de sessões da Câmara, nas quais o conjunto de vereadores defensores de Pablo Genuíno faltou a sessões da Câmara, impedindo, por falta de quórum, que se deliberasse sobre mazelas pertinentes à cidade.

E como se não bastasse, houve um episódio em que agricultores e vereadores, inconformados com as ações administrativas do Executivo, foram impedidos (por uma mera falta de agendamento) de tomar satisfações do prefeito, vice-prefeito e outros representantes de Pablo Genoíno quando se dirigiram à prefeitura para reclamar sobre as vias de trânsito.

Com isso, é possível que a cidade e seus moradores deixem de ser contemplados com programas federais de desenvolvimento, pois as ruas de Rurópolis estão intrafegáveis, o que impede a passagem do maquinário para implantação do programa Luz Para Todos.

Desse modo, percebe-se também uma covardia de um governo que se esquiva de esclarecimentos, mostrando a falta de transparência do prefeito e de seu partido (PSDB).

Rurópolis aparenta estar caminhando para uma perpetuação de corrupção da família Genuíno, pois o ex-prefeito de Rurópolis José Paulo Genuíno (pai do atual prefeito) também está sendo denunciado por vereadores por práticas ilícitas.

Ainda assim, Pablo Genuíno nomeou o seu pai, o qual foi impedido de participar das últimas eleições por ter ficha suja, para o cargo de secretário de Infraestrutura e também nomeou sua esposa (Katyussy Bonami Genuíno) e seu cunhado (Igor Touta) para assumirem respectivamente as secretarias de Ação Social e Finanças, adicionando assim o nepotismo também para o currículo de corrupção da família Genuíno.

Com todos esses lamentáveis acontecimentos, espera-se que os eleitores não se deixem mais ludibriar por novas promessas recheadas de cinismo, pois está claro que o nome Genuíno, em Rurópolis, é sinônimo de corrupção.

* É acadêmico de Direito da Ufopa (Universidade Federal do Oeste do Pará).

Candidato declara ao TSE ter R$ 15 milhões em ouro, em Serra Pelada

O candidato Marcelo da S.A. Advocacia (PSB), que concorre ao cargo de deputado federal [por Minas Gerais], declarou ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) possuir meia tonelada de ouro, no valor de R$ 15 milhões.

Toda esta riqueza estaria acumulada na jazida de propriedade do candidato em Serra Pelada, no Pará.
Todo esse ouro está num pátio em uma montanha misturado com terra e outros minerais. Por análise de amostragem dessa composição, Marcelo apenas estima o total.

Para obter as pepitas de ouro é preciso submeter todo o material a um processo de separação de centrifugação, entre outras fases, que demoraria.

“Para tirar aquilo é necessário utilizar cem caminhões por dia durante dois anos” contou Marcelo para a reportagem do jornal O Globo.

O proprietário rural Sylvio Rodrigues Júnior (PMN), mais conhecido como o ‘Português da Mandioca’, registra ser dono de 6.211 jumentos, criação que fica no Piauí, apesar de morar no interior de São Paulo.

Outro que declarou bens surpreendentes foi o suplente de senador no Distrito Federal, o Pastor Manoel Ferreira (PSC). Ele declarou ao TSE ter R$ 950 mil em moedas e cédulas antigas. O valor foi calculado de acordo com os catálogos da Sociedade Numismática do Rio, onde fica sua coleção.

Fonte: Blog do Jeso, 27/07/14

"Sob as bombas, vivo como um zumbi"

Palestino relata o sofrimento de morar em Gaza sob intenso ataque de Israel, com racionamento de água, comida e eletricidade

Depoimento de Ayman Fahmi Nimer à repórter Mariana Queiroz Barboza

A escalada da violência entre o Exército de Israel e o Hamas, facção islâmica que controla a Faixa de Gaza, atingiu um novo pico na semana passada. A ação das forças israelenses se intensificou. Foi bombardeada uma escola que era usada como abrigo pela Organização das Nações Unidas, matando pelo menos 16 pessoas, inclusive funcionários da ONU. Sem acordo para um cessar-fogo, o número de vítimas fatais entre os palestinos ultrapassou 800 – a maioria civis, entre eles, muitas mulheres e crianças. Israel teve 35 mortos. O lançamento de mais de dois mil foguetes do Hamas provocou o cancelamento de voos internacionais a Israel, no que os israelenses classificaram como um “prêmio ao terrorismo”. Sob o medo de novos ataques e com o racionamento de água, comida e eletricidade, a vida em Gaza ficou ainda mais dramática. Na noite da quinta-feira 24, o palestino Ayman Fahmi Nimer, que mora no centro da cidade de Gaza, falou com a ISTOÉ poucas horas depois que um prédio vizinho foi bombardeado. Abaixo, está seu depoimento:
POPULAÇÃO EM PÂNICO
Mulher palestina se desespera em prédio atingido pelos mísseis
lançados por Israel. Civis são as principais vítimas dos ataques

“Viver com o barulho dos bombardeios é assombroso. Em Gaza não temos nenhuma espécie de esconderijo para a população, como há em muitas cidades do Oriente Médio. Vivemos esperando o desconhecido. Não sabemos quando isso vai acabar. É um filme de terror sem fim. Para mim, é muito difícil olhar para minhas filhas enquanto as bombas caem aqui perto, sabendo que não posso fazer nada para protegê-las. Ficamos todos reunidos, a maior parte do tempo, perto da porta de entrada e da escada para sairmos em caso de emergência. Comemos aqui e dormimos no chão. Só nos movimentamos para ir ao banheiro. Passamos o tempo conversando, falando sobre o futuro, lendo, brincando com nossos gatos. Sou como um ator. Estou triste por dentro, mas finjo que está tudo bem. Não quero pensar muito, porque, quando o faço, espero o pior. Não durmo mais de duas horas seguidas há 18 dias. É impossível dormir à noite, fico esperando mais bombardeios. Os mísseis iluminam o céu escuro. Sob as bombas, sem sono, vivo como um zumbi. Não consigo focar em nada. Minha mulher mantém perto dela uma bolsa com documentos importantes: passaporte, cartão do banco, escritura do apartamento.


Estou em casa com minha mulher e minhas três filhas agora. Saí há pouco para comprar comida. Estamos no Ramadã, um mês sagrado para muçulmanos do mundo todo, no qual fazemos jejum até o sol se pôr. Acabamos de fazer nossa primeira refeição. Vivo com minha mulher, Heba, e nossas filhas, Lama, de 16 anos, Menna, 14, e Mesma, 13, num apartamento de três quartos no coração de Gaza, no último piso de um prédio relativamente alto, de sete andares. Isso me dá a oportunidade de ver o que está acontecendo em boa parte daqui. Como faz muito calor, mantenho todas as janelas abertas.

Tenho sorte de ter uma família relativamente pequena. Os árabes gostam de ter muitos filhos, mas eu não quero mais, porque é muita responsabilidade. Um pai tem que prover abrigo, água, comida e segurança para seus filhos. Mas, em Gaza, é completamente diferente por causa da contínua disputa entre israelenses e palestinos por território. Minhas filhas passaram boa parte de sua infância durante guerras. Elas não sabem o significado de paz. Elas não sabem nem o que é paz de espírito. Sou muito preocupado com o futuro delas. Eu sou farmacêutico, tenho um bom emprego e uma renda relativamente alta. Minha família é muito feliz. Para nossa sorte, as aulas na escola das meninas acabaram há um mês. Estamos agradecidos a Deus que elas não tiveram que ficar ausentes das aulas.

DESTRUIÇÃO
A Faixa de Gaza está sob bombardeio há três semanas.
Quase 800 palestinos já morreram

Toda a Faixa de Gaza é uma fração da cidade de São Paulo. Por isso, quase todo mundo se conhece. Com mais de 800 mortes, em cada vizinhança, existe alguém que perdeu parentes ou amigos. Isso é muito triste. Mas é interessante notar como as pessoas ficam ainda mais unidas. Em volta das mesquitas, elas compartilham sua comida, o pouco de água que têm. Elas não têm nem certeza se viverão para desfrutar daquilo. Eu também não sei se estarei vivo amanhã.

O dinheiro não tem valor nenhum, porque os mercados e as lojas estão fechados. Alguns fazendeiros se reúnem em volta das mesquitas. As pessoas vão lá para as orações da tarde e encontram os fazendeiros vendendo legumes que eles mesmos produzem. Hoje comprei tomates, batatas, cebolas e pimenta. É difícil encontrar comida fresca. Também temos um problema com água potável. Nós juntamos garrafas vazias de Coca-Cola e Seven-Up e levamos à rua para enchê-las. Dividi minhas últimas quatro garrafas d’água com minha mãe, então preciso sair amanhã e procurar mais. Não é tão difícil assim encontrar, o pior é trazer para casa. Tenho que pegar o máximo de galões que conseguir carregar nas costas. Tenho também um estoque de alimentos não perecíveis, como feijão, arroz e açúcar, para emergências como essa. Gostamos de estar preparados, porque nunca sei quando tudo isso vai recomeçar. Eu diria que 99% das lojas e restaurantes estão fechados. Há pequenas lojas familiares no térreo das casas, onde posso bater na porta e comprar alguma coisa.

No Ramadã, nós jejuamos por 16 horas. Isso é bom porque, durante a noite, ninguém consegue comer e beber tanto. Nos conflitos de 2008 e 2009, foi pior. Eles começaram a atacar em dezembro e a temperatura era muito baixa. Precisávamos de mais comida e mais energia elétrica para nos manter aquecidos. Agora temos energia por duas horas diárias, em média. Há dias em que não há nada. É horrível, porque precisamos de energia para tudo, para acompanhar as notícias, as redes sociais, falar com nossos familiares. Sem eletricidade, me sinto cego.

POR TERRA
Tanques israelenses avançam pela fronteira, ao norte
da Faixa de Gaza. Os ataques ocorrem também por ar e mar. 

Os israelenses enviam comunicados em panfletos, SMS, ligações telefônicas. Eu recebi uma mensagem gravada, mas, na área em que moro, não nos dizia para deixar nossas casas. Pelo contrário, eles querem que as pessoas se concentrem aqui. O meu bairro é mais seguro que o resto da cidade, mas, ainda assim, há bombas por todo lado. Na mensagem que ouvi, eles explicaram que essa operação é contra o Hamas, não contra os civis. Hoje um prédio vizinho, a 100 metros da minha casa, foi bombardeado por um míssil. Tivemos que descer as escadas correndo e isso foi muito difícil, porque, depois da explosão, uma quantidade enorme de poeira escureceu tudo ao redor. Esperamos três horas na frente do prédio até que pudéssemos voltar. Felizmente ninguém morreu. Você consegue ouvir isso? (O barulho de uma explosão encobre a voz de Ayman) Passou bem pela minha cabeça. Se tiver que deixar minha casa, não tenho para onde ir. Nenhum lugar é seguro.

Eu sempre fui um pregador da paz, mas agora, se tivesse um míssil em minhas mãos, o atiraria contra Israel. Pelo menos eu morreria de uma forma digna. Israel tem um dos maiores Exércitos do mundo e nós, palestinos, não temos nada. Para muitos palestinos, não há oportunidade nem esperança. Então, se tiverem de morrer, que morram lutando. Mas não gostamos de morrer, gostamos de viver em estabilidade. Nós deveríamos ter nosso Estado. Eu sou contra o Hamas, mas posso dizer: o Hamas não usa as pessoas como escudo humano, como diz Israel. Há 18 anos vivendo aqui, eu nunca vi um único militante nas ruas. Eles estão todos debaixo da terra (em túneis). Nas ruas, só se pode ver homens segurando sacolas de comida a caminho de casa. Não há mulheres nem crianças. Além de ser muito perigoso dirigir, não há postos de gasolina abertos, então todos andam a pé. O Hamas acredita que as negociações de paz não são a língua que os israelenses entendem. Os israelenses só entendem a língua da violência, matam por vingança. Eu tenho simpatia pelo Mahmoud Abbas (presidente da Autoridade Palestina), mas ele não atingiu nada até agora, todas as negociações falharam. Abbas precisa ouvir mais seu próprio povo. É urgente uma reconciliação entre o Hamas e os outros grupos políticos por uma Palestina unida. Talvez a resistência seja a última reserva que os palestinos tenham para atingir seus objetivos.”


Fotos: Mohammed Salem/REUTERS, Hatem moussa/AP Photo; Ronen Zvulun/REUTERS 

Fonte: Revista Isto É Independente, 25/07/14

Quarto de Mansão/Paulo de Paula


Essa é do fundo do baú e fez muito sucesso em 1977, acesse o link e cante Quarto de Mansão

Que o seu domingo seja uma benção!


Pesquisa do Ibope mostra Dilma com 38% e Aécio com 22%

Mantendo-se esse percentual Dilma será reeleita no primeiro turno

A presidente Dilma Rousseff segue liderando as pesquisas para as eleições presidenciais de outubro e conta com 38% das intenções de voto, contra 22% de seu principal rival, Aécio Neves, segundo os números divulgados nesta terça-feira pelo Ibope.

No levantamento anterior realizado pelo instituto, em junho, Dilma (PT) aparecia com 39%, e Aécio (PSBB) com 21%.

Por sua parte, o ex-governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), conta agora com 8% das intenções de voto, contra 10% da pesquisa anterior.

Já o pastor Everaldo Pereira, candidato pelo PSC, obteria 3% dos votos, enquanto os demais candidatos juntos teriam pouco mais de 3%.

Nesta pesquisa, Dilma, com 38%, tem um ponto percentual a mais que a soma de todos os outros candidatos. Por isso, de acordo com o Ibope, não está definido se haverá segundo turno.

No caso de um hipotético segundo turno, a pesquisa mostra Dilma ainda como favorita com uma vantagem de 8 pontos em relação a Aécio e de 12 pontos frente a Campos.

Encomendada pela TV Globo e pelo jornal 'O Estado de S. Paulo', a pesquisa é a primeira do Ibope após o registro das candidaturas, tem uma margem de erro de dois pontos percentuais e foi realizada entre os dias 18 e 21 de junho, período no qual foram entrevistados 2.002 eleitores.

Fonte: EFE, 23/07/14

sábado, 26 de julho de 2014

Imagens do dia/Carreta entala em viaduto


Uma das carretas de um comboio de carregamento de peças entalou sob o viaduto Saioa, na avenida Ricardo Jafet, zona sul de São Paulo, na manhã deste sábado (26). O acidente provoca mais de 1 km de congestionamento na pista no sentido centro, até a avenida Abraão de Morais. Agentes da Policia Militar e da CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) estão no local Marco Ambrósio/Estadão Conteúdo, 26/07/14

O sonho da prefeita versus realidade

Muitos acreditaram que a atual prefeita seria a salvadora da pátria, tendo em vista o que ela dizia na época das campanhas eleitorais de 2012. Na prática, como gestora, o resultado é diferente, a cidade parece abandonada e quando chove, a situação fica pior.

Numa entrevista, quando o jornalista Weliton Lima perguntou se as 500 pontes, do seu discurso de campanha eleitoral não seria um sonho, ela respondeu que "NÃO CUSTA NADA SONHAR!".

Conclusão: ela sonhou (e até hoje continua dormindo!) e nós estamos vivendo um pesadelo!

sexta-feira, 25 de julho de 2014

Advogado acusado de crime senta no banco dos réus

Altair dos Santos é apontado como mandante da morte de Leda Marta, Hannah e Taynara, em Itaituba
Altair dos Santos é apontado como mandante da morte de Leda Marta, Hannah e Taynara, crime ocorrido no dia 22 de fevereiro deste ano

Começou na quinta-feira, dia 24, a 1ª audiência que vai julgar o episódio de tríplice homicídio que aconteceu no município de Itaituba, no Oeste do Pará, cujo principal suspeito de ter sido o mandante dos crimes é o advogado Altair dos Santos, que era esposo da também advogada Leda Marta Lucky dos Santos, que foi assassinada brutalmente, juntamente com sua funcionária Hellen Tainara de Siqueira e a filha Hanna Stela que se estivesse viva estaria com 10 anos.

O crime atualmente considerado como o mais monstruoso de Itaituba, chocou pela forma com que agiu o criminoso que impiedosamente esfaqueou as três vítimas, sem que elas tivessem a menor chance de defesa. O criminoso, Dejacir Ferreira de Souza, considerado psicopata, é também viciado em drogas, fatores esses que contribuíram para que agisse com instinto animalesco de matar de maneira brutal e insana.

O caso se desenrola há quase seis meses e desde o dia o dia 22 de fevereiro deste ano que o crime ainda se faz presente na opinião pública que clama por justiça tendo em vista que o autor da verdadeira chacina Dejacir Ferreira de Souza já tem prisão preventiva decretada, mas ainda não foi encontrado pela Polícia e continua foragido apesar de milhares de cartazes espalhados com sua foto e proposta de recompensa para quem desse uma informação precisa sobre seu paradeiro. Apesar de vários pedidos na justiça para que respondesse em liberdade, Altair dos Santos ficou preso e a justiça acatou as denúncias feitas pelo MPE, que redundou nessa primeira audiência que começou ontem, quinta-feira, dia 24. A Justiça acatou a denúncia oferecida pelo Ministério Público, e definiu a data para a primeira audiência com o acusado.

A informação foi dada pela presidente da subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de Itaituba, advogada Cristina Bueno. “A presidente da OAB disse que estão sendo ouvidas as testemunhas de acusação e, na seqüência, de defesa. Posteriormente o próprio acusado também será ouvido. “Por sinal, já temos aqui em Itaituba a presença do pai e da irmã da Leda, que também vão participar depondo na 1ª audiência”, ressaltou Dra. Cristina Portinho Bueno.

ENTENDA O CASO: A advogada Leda Marta, de 44; sua funcionária Hellen Taynara, de 22; e a pequena Hannah Stela foram assassinadas com requinte de perversidade no interior da loja Belíssima Moda Íntima, que pertencia à advogada. O crime ocorreu em 22 de fevereiro deste ano. Dra. Cristina Bueno e uma comissão de advogados com apoio da OAB/PA acompanharam todo o caso cobrando investigações com resultados, denunciando na imprensa.

Com a repercussão do triplo assassinato, Altair dos Santos, também advogado e ex-marido de Leda Marta, passou a ser o principal suspeito como mandante da chacina. Com frieza extrema durante o período em que foi preso e mesmo diante da imprensa o acusado fez mistério negando seu envolvimento no caso. Mas os fortes índicos encontrados na investigação mantiveram Altair dos Santos na cadeia.

Se viva estivesse, Hanna Stela na segunda-feira, dia 21 de julho, teria completado 10 anos de vida. Na terça-feira, dia 22, a data fatídica e traumatizante para os amigos e parentes de Leda e demais vítimas completou cinco meses. Quanto ao julgamento, foi proposta uma ação de manifesto com faixa e cartazes contra o acusado de ter sido o mandante do crime, mas a idéia foi rechaçada predominando o bom senso de que a justiça deverá fazer seu papel julgando e fazendo justiça. Com isso, estava previsto para que não houvesse manifestações na quinta-feira, dia 24.

Leda Marta Lucyk dos Santos se firmava na carreira de advogada e já ocupava o cargo de procuradora do Município, mas não teve chance de viver a vida como deveria. A colaboradora de Leda, Hellen Taynara de Siqueira, estava iniciando no mercado. Estudiosa e dedicada ao trabalho, Taynara também teve a vida arrancada de forma violenta. O maior choque foi por conta da morte da pequena Hannah Stela, apenas uma criança que estava no local errado quando a monstruosidade de um homem, viciado em drogas e com a mente deturpada, que não via nada adiante, a não ser o desejo insano de matar. Altair dos Santos, também advogado, pai de Hannah e ex-marido de Leda Marta, foi apontado como o mandante e preso em sequência.

TESTEMUNHAS ESTÃO SENDO OUVIDAS: Vinte e três testemunhas de acusação do triplo homicídio estão sendo ouvidas desde quinta-feira (24). De acordo com as investigações foi o ciúme que provocou a morte de leda marta. Para a Polícia o ex-marido Altair do Santos não aceitava a separação e resolveu se vingar encomendando a morte da ex-mulher. O depoimento é recheado de testemunhos de pessoas que presenciaram ou ouviram falara das ameaças que Leda recebia, e também pessoas que testemunharam agressões mútuas do casal. A Polícia também chegou à conclusão que a pequena Hanna, filha do casal, não deveria ter morrido. A empregada Taynara Cristina também não estava nos planos do assassino. Dejacir resolveu matar as duas para não deixar testemunhas.

FORTE APARATO DE SEGURANÇA: A Justiça organizou um forte aparato de segurança para a primeira audiência de instrução do advogado Altair dos Santos. Cerca de 21 Homens do Grupo Tático Operacional da Polícia Militar (GTO-PM) foram convocados para garantir a segurança na área do Fórum. A exemplo do que aconteceu por ocasião da audiência sobre o caso do assassinato do índio Lelo Akai, quando a Justiça enfrentou dificuldades com as manifestações de protesto em frente ao Fórum, o diretor do Judiciário em Itaituba, juiz Claytoney Passos, decidiu agir de forma preventiva e determinou a criação de um aparato de segurança, envolvendo órgãos de trânsito e homens do Grupamento Tático da Polícia Militar. As ruas e travessas no entorno do Fórum foram interditadas e o acesso ao ambiente da audiência foi limitada ao juiz criminal, aos advogados, Promotoria de Justiça, ao próprio acusado e às testemunhas de defesa e acusação. O juiz Claytoney passos não permitiu o acesso à imprensa, já que o caso tramita em segredo de Justiça. Os jornalistas estão restritos à área externa do Fórum e poderão fazer imagens através dos vidros das portas, que ficarão guarnecidas pela força policial.

Os depoimentos das testemunhas que começaram ontem, devem terminar somente nesta sexta-feira.

Fonte: Blog do Nazareno Santos, 24/07/14